Escriba de Broalhos cronicando cenas no belogue sobre cultura audiovisual e artística

“Persepolis” & “A Valsa com Bashir”

Persepolis

Marjane Satrapi eVincent Paronnaud, e Ari Folman, respectivamente, realizaram estes dois filmes de animação que chegam como gritos guturais de desespero que faz implodir sempre uma vez mais a grande amálgama de culturas confinadas no Médio Oriente.

São olhares de testemunhas das realidades beligerantes que fazem chocar religiões, estados, mas igualmente exércitos e milícias, cidadãos, menores. E, os que acham que não são tocados pelas problemáticas que revolvem as terras bíblicas enganam-se, pois é aquele o grande espelho das oposições civilizacionais, humanas.

Ambos os filmes, cada um num registo próprio, semelhante apenas na presentação da narrativa dum olhar na primeira pessoa, usa um registo visual interessante, sugerindo deliberadamente um desenho estilizado, que ainda assim não nos afasta do sentimento de presença, verosimilhança, verdade.

Waltz with Bashir

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s